UA-190766377-1
 

Funcionários são indenizados em R$ 150 mil por não baterem meta e serem obrigados a dançar Gretchen



Funcionários de uma empresa de telefonia vão receber cerca de R$ 150 mil em danos morais após terem sido obrigados a dançar por não baterem metas de vendas. A empresa, que funciona em Goiânia, pode recorrer da decisão.


De acordo com informações do portal g1, 22 vendedores tiveram que dançar a música "Conga La Conga", da cantora Gretchen, "Boquinha da Garrafa", do grupo de axé É o Tchan, entre outras. Um aviso chegou a ser colado na porta da sala de reunião da loja, comunicando que a prenda do dia era imitar Gretchen.


"Prezados colaboradores, quem não realizar imput de venda hoje terá que pagar prenda na sala de reunião. Prenda do dia: imitar a Gretchen. O líder do vendedor deverá acompanhá-lo", dizia o aviso.

As ações dos funcionários foram movidas no Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Ainda conforme a publicação, as primeiras decisões saíram em outubro de 2021, a empresa recorreu, mas acórdãos de desembargadores mantiveram as sentenças, em maio deste ano.


Fonte: diariodonordeste.verdesmares.com.br








 











0 visualização0 comentário